Menores Atos lança a primeira de cinco músicas, a pesada e densa ‘Breu’

O trio de rock alternativo menores atos divulga seu novo single, “Breu”, lançado via Flecha Discos. A faixa é a primeira a ser apresentada do próximo trabalho da banda, um EP com 5 faixas inéditas, já intitulado Lúmen.

Pesada e densa, “Breu” ainda conta com um belíssimo arranjo de orquestração, criado pelo músico Pablo Greg, que recentemente trabalhou no álbum Vera Cruz do vocalista Edu Falaschi (ex-Angra), e um videoclipe gravado em plano-sequência, com direção de Gi Ferreira, com lançado marcado para o dia 16 de novembro. Assim como nos demais trabalhos da banda, quem assina a produção, mix e master é Gabriel Zander.

Breu passeia por apenas um verso – ao qual Cyro (vocal/guitarra/compositor) atribui “uma função mântrica” – e apresenta uma outra faceta da banda, flertando com novos elementos e sons. Cyro explica que a composição veio de um lugar de observador, ainda como carioca recém-chegado em São Paulo, quando começou a ressignificar a sua relação com o novo ambiente, clima e as pessoas ao redor.

“Quintal de casa, varanda, janela
Sem sol, sem nada
Em cada universo um breu”

Hoje, menores atos é formado por Cyro Sampaio (guitarra/voz), Ricardo Mello (bateria) e Celso Lehnemann (baixo). Recentemente, a banda lançou os singles Além do Caos e Insone, o álbum Ao Vivo no CCSP, com o show completo também disponível no YouTube, além do EP Tropical Melancolia (2020), split colaborativo com a banda Zander, em que os artistas compuseram e gravaram todas as 6 faixas juntos, em parceria.

Em junho de 2018, menores atos lançou o seu segundo disco “Lapso”, com 12 faixas gravadas, mixadas e masterizadas por Gabriel Zander, no Estúdio Costella (SP) e produzidas por Gabriel Arbex e Gabriel Zander. O trabalho sucedeu o elogiado “Animalia” (2014), que colocou a banda entre as mais cultuadas do cenário underground atual. O trio ainda gravou versões acústicas de duas faixas do Lapso, com a participação de Lucas Silveira (Fresno) e Tuyo. Também fazem parte da discografia da banda os singles “Pressa”, “Mar Aberto” e “O Jogo”, lançados na coletânea Flecha Discos Vol. I.

Antes da pandemia, a banda fez uma extensa turnê, passando por importantes palcos de todo o Brasil como Circo Voador, Fundição Progresso e Imperator no Rio de Janeiro, Hangar 110 e Tropical Butantã em São Paulo, e marcou presença em importantes festivais brasileiros, como Festival COMA (DF), Festival Bananada (GO), Festival DoSol (RN), Locomotiva Festival (SP), Oxigênio (SP), Festival Se Rasgum (PA), chegando ao Rock in Rio (2019) e Lollapalooza (2020 – adiado para 2022).

Cyro Sampaio comenta sobre Breu:

“Eu sempre quis escrever uma música assim, com uma frase, um verso. Apesar de breve, pra mim é uma letra carregada de significado e marca bastante aquele exato momento da minha vida, chegando em São Paulo e torcendo pra fazer sol. A música tá pronta desde antes da pandemia, assim como as demais do EP, mas agora inserimos um arranjo lindo de orquestração criado pelo meu amigo Pablo Greg, que é um gênio e pilhou participar, pra nossa alegria. Também era um sonho fazer algo do tipo e casou perfeitamente com a ideia de criar um clima de mantra e crescer a música nos momentos certos.”

Deixe seu comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado.

Escreva e pressione ENTER para pesquisar