Mensagens de repúdio e antifascismo são destaque em clipe de Ozimbro

A composição, desde sua estrutura, letra e clipe, sugere escancaradamente a exposição do contraste social, que por muito, preferimos não ver ou fazer de conta que não existe. Ironiza os que se acham sortudos, em um mundo onde muitos outros jamais terão sequer alguma oportunidade, simplesmente por terem nascido em um lugar, época ou com uma cor diferente.

É uma mensagem de repúdio aos políticos, aos nazistas e à desigualdade social.

Ozimbro, nasceu no sul do Brasil e, agora vive no norte de Portugal. Fascinado por música desde criança, começou a tocar guitarra elétrica em 99, e depois disso participou de diversas bandas, sendo todas de música autoral, onde sempre tocava algum instrumento, além de cantar. Por anos, também participou como tenor em corais sacros e natalinos.

Com sua última banda, Alucinados , tocou em várias cidades do Brasil e, juntamente com o grupo, teve a honra de abrir um show para o lendário CJ Ramone, ex-baixista dos The Ramones em 2017.

Recebeu elogios de renomados artistas como Rui Veloso, Nina Pancevski, Erasmo Carlos e Frejat, por sua participação no BDO LIVE FESTIVAL PORTUGAL 2021 (Brazilian Day Orlando). Ozimbro produz suas composições em homestudio, geralmente fazendo todo o processo sozinho, salvo participações especiais de artistas amigos. Começou muito recentemente a trabalhar nas suas redes sociais, para divulgação.

Deixe seu comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado.

Escreva e pressione ENTER para pesquisar