Tilburg lança “Turning Time”, EP une rock progressivo dos anos 70 e elementos de dark electro

“Turning Time” é o terceiro lançamento do Tilburg e já está disponível em todas as plataformas de streaming. O EP é a segunda parte de um lançamento de EP em duas partes, com quatro músicas cada. Tilburg pega o rock progressivo dos anos 1970 e adiciona elementos modernos de dark electronica, criando uma mistura de dois elementos. Tilburg apresenta o guitarrista de fusão holandês Timo Janse e o teclado Whispers of The Dragon M Hopkins.

A banda começou em 2009 com o nome de Kinder Voss. Durante as sessões de gravação do álbum de estreia “Tales of the Spanish Kings”, um álbum conceitual semelhante aos primórdios do rock progressivo. Devido a conflitos de turnê com a formação internacional da banda, a banda chegou ao fim precocemente.

Avançando para 2021, o compositor M Hopkins reviveu o projeto e as sessões de gravação começaram novamente com o guitarrista de fusão holandês Timo Janse nas guitarras e M Hopkins nos teclados.

Na primavera de 2022, o álbum foi finalizado e Tilburg foi escolhido como o novo nome da banda e “Tales of the Spanish Kings” foi lançado.




Ouça “Turning Time”:

Influenciado pelos grandes nomes do passado, como Keith Emerson (ELP) e Rick Wakeman (YES), o álbum reflete muitas das qualidades únicas do rock progressivo dos anos 70, mas apresenta uma influência de guitarras modernas mais pesadas e sons eletrônicos de hoje. O objetivo do álbum era trazer um novo som de rock progressivo, além de homenagear os grandes nomes do passado.